Workshop Inception to Go na Everymind – 01/02(sábado) – 09:00 as 18:00

Olá!

Era dia primeiro de fevereiro de 2020, mais um sábado …

Estávamos nós, (Alexandre, Emerson e eu) na EveryMind em Sampa para ministrar o workshop Inception to Go  mão na massa.

Vou fazer um parênteses aqui – 100% recomendaria para um amigo o workshop (informação atualizada em 06/02/2020 as 10:00 – após o fechamento da avaliação – média geral do treinamento: 9.26 ) – veja os depoimentos abaixo, e tire suas conclusões

Iniciamos com a apresentação das pessoas, tínhamos um verdadeiro caldeirão de cargos/papéis:

  • Scrum Masters e Agile coachs
  • Analistas de requisitos
  • Analista funcional
  • Gerentes de projetos
  • Analistas de negócios
  • Analistas de testes/QA

Somente para citar alguns exemplos. Imaginem as experiências destas pessoas com projetos e/ou produtos?

Realizada as apresentações, começamos a explicar a abordagem em si. Inception to Go, é uma abordagem para definir o MVP de produto digital (software) em conjunto com a funcionalidade principal, através da participação efetiva de dois atores importantes: Usuário final e o desenvolvedor. Estes atores, permitem que ao final da Inception to Go, tenhamos insumos para iniciar a construção o mais breve possível (de 2 a 5 dias após o termino da itoGo)

Abordagem explicada em poucos slides, partimos direto para a prática.

Fizemos uma dinâmica onde cada grupo, faria a fase de preparação da Inception to Go (que pode ser realizada online na vida real):

  • Definir o problema a ser resolvido
  • Pessoas chaves que participarão da Inception to Go
  • Logística/Regras
  • Artefatos a serem entregues após a Inception to Go

Cada dinâmica, mais atividades, discussões, networking e entusiasmo.

Quando nós percebemos, tinha acabado o período da manhã.

Partimos para almoço, retornando as 13:30.

Voltamos a tarde com a corda toda – mais dinâmicas em grupo:

  1. Product Vision Board
  2. Interação dos sonhos
  3. M.V.P.
  4. Funcionalidade core
  5. Etapas/protótipos
  6. Checkpoints
  7. P.O.C.
  8. Estamos prontos

Encerramos por volta das 18:15/18:20.

Para nós instrutores, foi motivo de muita alegria, aprendizado, compartilhamento e ótimas histórias da vida real.


Veja alguns depoimentos:

“Sabe aquele treinamento que quando você termina você se sente confiante e preparado para executar? Esse é um deles.
É tudo o que precisamos.
Sermos capaz de reproduzir em nosso dia a dia algo eficiente e eficaz.
Fico feliz em ter participado desse encontro.”

Selma Rodrigues – SM Coach DevOps

“A dinâmica do curso permite aprender fazendo atividades, o que faz a turma ficar muito envolvida e ‘acesa’, o tempo todo. E permite a troca de experience entre o grupo. “

Rogério Ilton Arita – Scrum Master

“Inception to Go! É a forma muito prática e objetiva de se fazer uma Inception e tirar o seu produto do papel e ou cabeça. Recomendo a todos a participar deste curso, sem dúvida muito exclarecedor e cheio de ferramentas para lhe auxiliar em seu dia a dia.”

Marcelo Gomes Ferreira – Analista de testes QA

“Sensacional pode aprender e nos fazer repensar um pouco mais sobre as etapas iniciais do projeto, muito bom mesmo, é vida real !”

Andreia Regina Paulini – Analista funcional Salesforce

“O Workshop é muito interessante e aborda o tema da Inception enfatizando a importância das duas pontas tão impactadas no resultado de uma Inception, mas tão esquecidas ou menosprezadas nesta etapa do processo de desenvolvimento, que são os desenvolvedores e usuários finais. Super recomendo o Workshop e outros conteúdos deste time incrível!”

Debora Bronzoni Aguiar – Analista de Negócios Líder

“Gostei muito da segurança/conhecimento que os palestrantes demonstram em relação às práticas da inception, e da disponibilidade em ajudar e tirar dúvidas de aplicação dessas práticas, nos mais diversos cenários”.

Sergio Roberto Xavier dos Santos Junior – Scrum Master

“Acredito que a prática proposta com o Inception To go é mais uma ferramenta voltada à colaboração e integração das equipes. É uma ferramenta que permeia o todo da cadeia de concepção de um produto criando um senso comum de pertencimento e entendimento de esforço x expectativa que proporciona ambientes favoráveis.”

Cesar Augusto Tomaz – Scrum Master

“Treinamento excelente e com muitas atividades práticas, o que facilita o entendimento e aplicação no dia a dia.”

Ricardo Batista Miluzzi – Agile Coach

“Treinamento muito legal, descontraído e produtivo. A equipe está de parabéns”

Diógenes Antônio – Gerente de Projetos

“Gostei da técnica, e com certeza irei aplicar na próxima oportunidade “

Margarete Bispo dos Santos Silva – Scrum Master


Muito obrigado a todos.

Agradecemos a EveryMind por ter gentilmente cedido o espaço, o coffee break e permitir que pessoas de fora da organização participassem.

Ao Ricardo Miluzzi por toda organização, comprometimento, parceria e ações.

Ao Marcelo Gomes, por ter doado dois livros físicos para sorteio  – Jornada Ágil e Digital

Devido a todo este apoio, foi possível realizar este workshop presencial 100% gratuito.

#InceptionToGo

Softwares, impactam vidas

Inception_to_Go_Imagem

Algumas fotos do Workshop de Inception to Go – 01/02(sábado) – 09:00 as 18:00 – SP – Escritório da EveryMind

AwMONs7QxOWZAY98

Hx53G1eAlT5ROgRwoLU0Z8awRR2EXvL3Wj_9z8cLwpw6ffTS

 

 

 

 

 

 

 

Seu chefe e a visão de “fazer rápido” sobre o mindset Agile

Olá!

Agile, Scrum, Kanban e outros estão na moda. Cada vez mais o assunto se expande para outras tribos. Antes, restrito a T.I., agora marketing, RH e comercial, só para citar alguns, já discutem Agile.

Porém algumas situações adversas podem ocorrer, quando começamos a iniciar com o tema, tais como:

  • Seu chefe, acreditar que Agile é uma super produtividade, até porque, leu o livro: Scrum a Arte de Fazer o Dobro do Trabalho na Metade do Tempo
  • Ou seu gestor, ter a visão de que Agile é “fazer rápido”
  • Ou quando seu cliente, simplesmente faz uma solicitação bem resumida: “Me faz um e-commerce de louças sanitárias chinesas”, e como em “Agile não precisamos detalhar” esta tudo certo
  • Ou quando o seu time de desenvolvimento, nega-se a documentar, pois “Software em funcionamento mais que documentação abrangente”
  • Ou resumir Agile a “colar post-its” sem entender o mindset, ignorando por exemplo uma simples leitura do manifesto ágil com seus valores/princípios e discutir entre os envolvidos

Poderíamos elencar muito mais coisas. Por isso criamos o workshop – 29/01/2018 das 18:30 as 22:20  : Introdução ao Agile, para quem nunca viu(ou ja tenha visto)

Neste workshop, vamos ensinar  para você o que é Agile, e também:

  1. Permitir que você compreenda os fundamentos e a essência do Agile
  2. Como você explicará Agile para o seu gestor, seu time e seu cliente
  3. Utilizaremos um exemplo de criação de uma série de tv  para um canal de streaming fictício, com isso, diversos aspectos do projeto serão abordados
  4. Eliminar de vez a associação com pressa ou afobação
  5. Mostraremos as diferenças do mindset Agile com relação ao modelo PMBok
  6. E ainda, que não existe nenhum problema com PMBok
  7. Quais cuidados ou dicas são importantes na iniciação
  8. Investir no mindset Agile, requer esforço/tempo para colher os resultados, assim como qualquer investimento

Participe deste workshop divertido, convide seus amigos, seu gestor, seu cliente, seu Dev Team, Sponsor e todo mundo.

Aprenda com o co-criador do LIVE AGILE – Do zero a produção em 2 dias. 

Aproveite o preço promocional até 31/12/2017(ou até esgotarem as vagas do primeiro lote) – R$129.00 em 2x sem juros.

Compre Aqui

Ah, um detalhe, além de todo aprendizado e  networking, temos ainda um delicioso coffe break (não se preocupe, não são aquelas bolachinhas com gosto de papel higiênico reciclável – coffee break de verdade).

Participe, convide outras pessoas e compartilhe.

 

 

 

 

 

 

Workshop: Prototipagem – Como ferramenta de coleta e validação de requisitos ágeis

Olá!

Vei aí no dia 11/11/2017(sábado) das 08:30 as 18:00 na Via Academy – SP

Neste treinamento(presencial) iremos prototipar(baixa fidelidade) as funcionalidades de um software e transformar este documento numa especificação leve de software. E depois validar estes artefatos(com ajuda de uma ferramenta de prototipagem) junto aos nossos usuários.

Nosso objetivo: Mostrar o poder dos protótipos(de baixa fidelidade) para validar(rapidamente) interfaces de produtos digitais com custo quase zero, através de modelos colaborativos.

  • Como coletamos requisitos? Processo Atual.
  • Requisitos ágeis são apenas hipóteses que precisam ser validadas
  • A importância de rascunhar e desenhar para expor e discutir ideias
  • Diferentes Atores: Área de TI & Desenvolvedores & Negócios & Cliente & Usuários
  • Engajamento de pessoas envolvidas
  • Protótipos de baixa fidelidade
  • Um trilhão de maneiras de desenhar a mesma interface digital e suas nuances
  • Personas
  • Jornada de usuários
  • Validando os protótipos com usuários
  • Protótipos Navegáveis – Ferramenta digital
  • Testes A/B
  • Praticando

Quem pode participar?

Desenvolvedores de software, Líderes Técnicos, Testers, Analistas de Negócios/Requisitos/Produtos, Gerentes de Projeto, Scrum Masters, Product Owners, Clientes/Usuários(Stakeholders) e qualquer profissional que precise coletar e/ou explicar suas necessidades de softwares para um terceiro.

Então vamos criar protótipos dignos do prêmio Internacional de design? Não. Nossa meta é utilizar protótipos(de baixa fidelidade) para comunicar uma ideia e rapidamente validar ou descartar. Pensamento enxuto. Ciclo curto. Foco no que é valor para o cliente. isto te lembra alguma coisa?

Vamos trabalhar de maneira colaborativa e divertida.

Algumas informações adicionais:

  • Ótima localização – em frente ao Shopping Frei Caneca
  • Estrutura da sala com mesas redondas (modelo para facilitar as interações)
  • WIFI disponível na sala de aula
  • Coffee break delicioso.
  • Excelente oportunidade para ampliar seu networking
  • Material em PDF

Treinamento produzido pelo blog canaldevbr.com em parceria com SPH Sistemas.

Em caso de dúvidas mande e-mail para: contato@canaldevbr.com

As vendas iniciam em 21/09/2017. Aproveite o preço reduzido do primeiro lote.

Aguardamos vocês lá!

 

 

 

 

 

 

Workshop Gratuito: Requisitos no mundo Agile – 14/10/2017(sábado) – Sampa

Olá!

Requisitos de software são hipóteses que precisam ser validadas o mais breve possível. Desculpa te contar isso assim, sem preparação.

Vem aí em Sampa no mês de 14/Outubro/2017(sábado) horário das 10:00 as 18:00  – Local: Fecomércio/SP – Rua Dr. Plínio Barreto 285 – Bela Vista – São Paulo/SP

CEP: 01313-020

Uma observação importante: Dia 12/10(quinta) é feriado. Mas estaremos firmes e fortes no dia 14/10(sábado).

Então vamos discutir como capturar e detalhar estas hipóteses.

  • Requisitos são apenas hipóteses
  • O poder das cafeterias
  • Vamos rascunhar, desenhar e colaborar
  • Product Backlog
  • Funcionalidades
  • Estrutura ARO
  • Estórias de usuários
  • As 7 dimensões do produto
  • Mão na massa
  • Conclusão

Para inscrever(limitado a 30 vagas), mande e-mail para margarete.bispo@hotmail.com

  • nome completo
  • RG
  • DDD + fone
  • e-mail
  • nome da empresa
  • seu cargo/função

Inscrições somente até 08/10/2017 ou até preencher as 30 vagas. Limite atingido.

Não temos mais vagas para este Workshop do dia 14/10/2017.

Este é um treinamento GRATUITO e independente realizado por mim(Fernandes) em parceria com minha amiga Margarete.

Assim que atingirmos o limite, atualizaremos o conteúdo deste post é faremos uma lista de espera.

Agile é interagir!

E vem aí mais um Workshop(Novembro/2017 – SP)  – Prototipagem como ferramenta para coletar e validar requisitos ágeis.

Agile é produzir

 

 

 

Workshop:Ferramentas ágeis no dia a dia – 17/12/2016 das 10:00 as 18:00 – SP

Olá!

Estarei facilitando o Workshop onde discutiremos:

  • Conceitos de agilidade
  • A distância entre as camadas que operam o Agile e a Alta Gestão
  • Dinâmica – Cerca Elétrica – Fluxo de uma demanda
  • Dinâmica – Pessoas trabalhando – espirito Agile
  • Entre outros

Será um dia de aprendizado mútuo, networking, diversão e trabalho duro. Onde teremos:

  1. Aprendizagem orientada por projeto
  2. A plateia produzindo o conteúdo
  3. Pequenos grupos colaborando
  4. Elo com a vida real

Seria a aplicação do modelo Finlandês de ensino? Pode ser, mas eu prefiro chamar de Agile ou aprendizado e produção colaborativa.

Local: Av. Dr. Plinio Barreto, 285

Um agradecimento a nossa amiga Margarete, que mobilizou e organizou tudo.

Agile é interagir, agir, colaborar, comunicar e respeitar mutuamente.