Aprendendo com todos – Inteligência coletiva

Olá! Quanto tempo hein!

Tenho organizado (desde 07/04/2020) diversos workshops online, gratuitos, ao vivo e mão na massa com foco no papel do Product Owner e produtos.

Em média temos, de 40 a 60 participantes por workshop, são pessoas com:

  • Perfis diferentes
  • Idades variadas
  • Background diversos
  • Formações bem distintas
  • Linhas de pensamentos diferentes
  • Em diferentes momentos da carreira/vida

E qual o problema desta imensa variedade ? Pergunta errada.

É justamente o contrário: esta variedade traz uma riqueza enorme para os participantes.

Para mim tem sido um enorme aprendizado, não somente nos pontos acima mencionados, mas também pelo networking, dúvidas levantadas, cenários compartilhados, ferramentas, feedbacks e dicas dos participantes.

Diante disto, posso afirmar, que a força do Workshop não está somente nos conteúdos apresentados, mas também nas discussões e atividades desenvolvidas.

Que tal uma nova postura de procurar aprender com todos os participantes?

A força da inteligência coletiva. 

Um artigo sobre Inteligência coletiva

Vamos manter a mente de aprendiz!

Será que este cenário (de inteligência coletiva) também existe nas organizações? nos times?

Agradeço a cada participante que compartilhou, interagiu, ensinou, aprendeu e manteve ações colaborativas.

Quer participar deste movimento e sentir na pele? Inscreva-se em nossos Workshops GRATUITOS, online, ao vivo e mão na massa

Fernandes Lima

Forca_Conteudos_Workshops

 

 

 

Spike em métodos ágeis – Definição

Olá!

Vamos experimentar?

Para muitos, a palavra experimentar remete a amadorismo!

Ou ainda, afirmar que não sabemos, poder se considerado crime para alguns, passível até de condenação criminal.

Voltando ao Spike, significa testar, aprender, experimentar e validar ou descartar com o intuito de descobrir sobre o desafio em questão.

Veja este artigo bem bacana no administradores.com.br

http://www.administradores.com.br/artigos/tecnologia/spike-em-metodos-ageis-definicao/90422/

Fique tranquilo, experimentar no contexto de desenvolvimento de softwares ou produtos digitais, ainda não infringe nenhuma lei, ainda(até o presente momento – dezembro/2017)

100% Ocupado. Você ainda pensa assim?

Olá!
Mania de estar super ocupado, e acreditar que isso tem algum valor…

Situações do tipo:

– Minha agenda está cheia.

– Não tenho tempo para ir nem ao banheiro.

– Trabalho muito, não tenho tempo para família.

– Trabalho 16 horas por dia, sou “o máximo”!

– Quanto mais trabalho, mais sou importante.

Isso chama-se: desequilíbrio.

Trabalhar em excesso, deve ser uma exceção(da exceção), e não uma regra.

Se você se orgulha disso, reveja seus conceitos.

Eu tenho tempo para minha família, eu fico ocioso, eu gosto de não fazer nada, adoro dormir, assistir filme…

Nenhuma máquina funciona bem com 100% de ocupação todo o tempo.

Desculpa te contar isso.

Curta a vida “rapaizinho”, a vida é curta!

Trabalhar sim, afundar-se no trabalho, NÃO.

Carga horária extensa, não tem nenhum vínculo com produtividade.

Eu aprendi isso. Nada é mais importante que sua saúde!