Linha do tempo da entrega da app – Treinamento LIVE AGILE 24 e 25/06/2017 – SP

Olá!

Todos nós estávamos reunidos para entregar a app:

Alunos – usuários finais/cliente

Fernandes Lima – Facilitador Agile

Kelver  Merlotti – Arquiteto de Software Sênior

E isto aconteceu… Veja a linha do tempo.

LIVE AGILE é vida real… ´É entrega de software em 2 dias ou em poucas horas!

Fizemos um ERP? Um Whatsapp? Um BI? Um Portal de Vendas de carros?  Claro que não amigo, nosso tempo era reduzido e o escopo tinha que atender esta restrição. Mas fizemos algo funcional com a participação de todos os presentes. Veja os créditos da app. Vida real, não é reality show.

Na vida real existe restrição de tempo? DEV estimando? PO negociando escopo? Usuário final dando pitaco? Divergências? Bugs ?

Está duvidando? Veja o link da app disponível na Google Play! Sim nós entregamos software funcional que vai para a loja. Não é isso que prega o manifesto ágil?

https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.liveagile.TaskManagerLiveAgile

Quer saber mais? fb.com/liveagile

Isto é LIVE AGILE.

 

 

 

 

 

 

Gerenciar pessoas como se gerencia dinheiro

Olá!

Isto não deveria ser o modelo padrão… Mas não é.

Incrível como grandes marcas de franquias investem fortunas em marketing, máquinas, formatação e continuam pagando o piso para o trabalhador. Bom, mas isso é minha opinião.

Veja a reportagem no portal Época Negócios:

http://epocanegocios.globo.com/Carreira/noticia/2017/06/e-se-empresas-gerenciassem-pessoas-com-o-cuidado-que-gerenciam-o-dinheiro.html

Invista nas pessoas

Uma ótima empresa trabalhar.

Por exemplo, uma empresa com as seguintes características:

– ótima localização

– escritório todo colorido

– mobília agradável

– iluminação impecável

– refrigeração adequada

– repleta de paredes de vidro

– um monte de gente descolada

– short friday

– máquina top de café expresso

– prédio pomposo

Seria a empresa dos sonhos de muita gente… Uma empresa é somente isso?

Será que os itens acima, tornam as pessoas realmente importantes?

Elas têm propósito? Estão sendo ouvidas? São respeitadas ? Seu valor é reconhecido?

Claro que é bacana trabalhar num local agradável e “coloridinho”.

Será que estas pessoas, não são apenas “objetos decorativos” do escritório moderninho? Será?

Assim, a foto sai bonita e vira notícia.

Uma dica para os inventores de plantão: Desenvolvam uma máquina fotográfica que, além de mostrar a paisagem corporativa, consiga captar valores como:

– respeito

– educação

– colaboração

– vontade de fazer

– humildade

– e uma pitada de bom senso

Nada contra os escritórios “coloridinhos”, porém, muitos deles são apenas isso: cores vazias sem coração.