Workshop:Mobile + Agile

Olá!

Vem aí em Outubro/2016, um Workshop que mostra na prática a criação de uma app utilizando uma poderosa ferramenta de desenvolvimento e boas práticas ágeis, em apenas dois dias. Isso mesmo!

Uma imersão combinada de tecnologias e metodologias inovadoras, com total interação dos participantes, no mais puro espírito ágil.

Uma excelente e inédita oportunidade para adquirir conhecimentos sobre os dois assuntos mais quentes da atualidade.

Público Alvo: Profissionais de TI(desenvolvimento de software), de gestão de projetos e produtos.

Em breve mais informações sobre: local, custos e conteúdo.

Caso tenha interesse preencha nosso formulário. Quer trazer o evento para sua cidade?

 

Evento:Embarcadero Conference 2016

Olá!

A fabricante de ferramentas de desenvolvimento de software Idera/Embarcadero promove mais uma vez o Embarcadero Conference 2016:

http://embarcaderoconference.com.br

O que acha de:

  • Aumentar sua produtividade para criar apps ou softwares?
  • Ter uma ferramenta com suporte a múltiplos banco de dados com um camada de acesso a dados incrivelmente veloz
  • Desenvolvimento nativo para Android, iOS, Windows e Mac
  • Uma IDE repleta de recursos que incrementam sua performance
  • Um local para discutir boas práticas
  • Quer aproveitar a onda IoT?

Tudo isto ocorrerá neste evento: – 26/10/2016 – SP

Quer um desconto extra? Entre em contato através do email: canaldevbr@outlook.com

Inscreva-se já e aproveite os descontos.

Nos vemos lá.

5 erros que podem diminuir a vida útil do celular

Olá!

E como nós amamos nossos smartphones, então todo o cuidado é pouco.

Veja no portal Olhar Digital:

http://olhardigital.uol.com.br/lu-explica/noticia/5-erros-que-podem-diminuir-a-vida-util-do-celular/61330

E vida longa ao rei.

5 Passos para estimar seu backlog em menos de 1 hora

Olá!

Uma prática bem simples e fácil de fazer, veja no portal CulturaAgil, este excelente post:

http://www.culturaagil.com.br/5-passos-para-estimar-seu-backlog-em-menos-de-1-hora/

Estimar é uma das tarefas mais difíceis do desenvolvimento de software.

Atrasei a entrega do meu software – Por que?

Olá!
Os motivos são muitos, muitos mesmo:
– Erramos as estimativas…
– Achávamos que era algo bem mais simples…
– Era somente um”relatoriozinho” bem tranquilo…
– Alternava entre a solicitação do cliente “A” e do cliente”B”, afinal sou multi task…
– Nossa! No meio do desenvolvimento identificamos uma nova situação, absolutamente não prevista…
– Eu achava que este desenvolvimento era parecido com um outro anterior, porém, com uma mínima diferença…
– Aceitamos a pressão do cliente sem negociar…
Os motivos podem ser os acima citados, ou outros quaisquer.
Precisamos entender que desenvolvimento de software é algo complexo, e que no decorrer deste processo muitas coisas vão acontecer.
Será necessária a seguinte compreensão: requisitos, são apenas hipóteses.
Devemos ter ciência de que, os riscos de não entregar o software existem. Desculpe decepcioná-lo.
Muitos ainda acreditam que desenvolver software, é apenas:
– Receber a demanda por e-mail
– Abrir a IDE e sair criando formulários, botões, persistindo os dados
– Testando minimamente
– E pronto. Pronto? Sim, uma desgraça pronta para causar problemas ao seu cliente.
Cadê o processo? Cadê os requisitos minimamente detalhados e validados junto ao cliente? E a estimativa do time? E a reunião de entrega?
Ah não, tudo isso é muito burocrático, perda de tempo, custoso, somente para empresas grandes… Quanta desculpa criativa!!!
Como é bom nos enganar, pensar desta forma. O difícil mesmo é pensar: Software precisa de gestão: Clássica, Ágil ou Híbrida.
Falando em gestão ágil… Sim, ela é perfeita para empresas pequenas, times pequenos, projetos importantes, projetos grandes, empresas grandes.
Ela é perfeita para aqueles que conseguiram assimilar a seguinte ideia: fazer software, não é apenas compilar e gerar um executável.

Brasileiros ficam mais de um ano com o mesmo smartphone, diz Ibope

Olá!

Com certeza a grana curta tem grande peso…

Veja mais no portal Idgnow:

http://idgnow.com.br/mobilidade/2016/08/18/brasileiros-ficam-mais-de-um-ano-com-o-mesmo-smartphone-diz-ibope/

Além do mais alguns outros pontos reforçam tal comportamento:

  • Preços exorbitantes
  • Versões que chegam ao Brasil com recursos inferiores aos comercializados no exterior
  • Falta de características de alto impacto
  • Cenário econômico adverso

A lista é longa…

Bem-formada, nova geração chega mal-educada nas empresas, diz filósofo

Olá!

Qualquer texto, entrevista, evento, palestra que seja referente a Mario Sérgio Cortella, no mínimo provoca uma profunda reflexão…

Veja esta entrevista ao portal UOL:

http://economia.uol.com.br/noticias/bbc/2016/08/03/bem-formada-nova-geracao-chega-mal-educada-nas-empresas-diz-filosofo.htm

Aborda os tempos modernos, o reconhecimento no trabalho, o senso de tudo ao mesmo tempo…

Provocador, reflexivo … Imperdível

Canvas MVP, vamos investir o mínimo esforço para alcançar o máximo de aprendizado

Olá!

Mais um material(vídeo 26min) excepcional do Paulo Caroli, veja no portal Infoq/br:

https://www.infoq.com/br/presentations/canvas-mvp-vamos-investir-o-minimo-esforco-?utm_source=infoq&utm_medium=videos_homepage&utm_campaign=videos_row1

O mínimo de esforço para alcançar o máximo de resultado.

Sensacional!

 

De São Paulo a Sidney, Ágil em times distribuídos.

Olá!

Veja neste vídeo do portal Infoq como rodar Agile em times distribuídos:

https://www.infoq.com/br/presentations/de-sao-paulo-a-sidney-agil-em-times-distribuidos?utm_source=infoq&utm_medium=videos_homepage&utm_campaign=videos_row1

Um ótimo exemplo para acabar com o mito de que agile existe somente em times de um único local.

O ágil esta morto? Não! Vivo mesmo, está o modelo da Balburdia!

Olá!
Recentemente, surgiram alguns artigos sugerindo que o modelo Agile está morto.
Morto não está, mas se estiver, poderemos recorrer à “Melisandre”, que por muito menos ressuscitou “John Snow” (série Game of Thrones).
Voltando ao modelo “vivinho da silva” – Balburdia
O modelo Balburdia esta fortemente presente por aí, embora muitos não admitam.
O modelo Balburdia tem um custo muito menor, afinal, a preocupação extrema com preço, é altamente pertinente em tempos de crise.
No modelo Balburdia, não existe PMI, Scrum Alliance, Babok… Existe apenas a boa e deliciosa Balburdia.
Preocupação com prazos, por quê? Não faz sentido, pois sempre entregamos atrasados. Isso quando entregamos.
Quanto aos custos, isto é bobagem pura, pois praticamos o menor preço a qualquer custo.
Escopo? No modelo Balburdia, escopo significa: algo sem importância, que será entregue com atraso, gerando zero valor.
No modelo Balburdia, a relação com o cliente é realizada com apoio de medicamentos, pois estresse é algo que precisa de remédio. E como pregamos o modelo Balburdia, não precisamos de médico para prescrever, pois qualquer auxiliar de estagiário de medicina pode fazê-lo. Receita? Que receita?
E o bom do modelo Balburdia, é que apesar de dominar o mercado, com um share extremamente significativo, ele não aparece nas estatísticas oficiais, porque todo mundo sempre (pensa que )usa um modelo: clássico, ágil ou híbrido CUSTOMIZADO.
Aliás, você já conferiu o seu gráfico de BalburdiaDown hoje?

Taxistas de Campinas criam app Bee Taxi – Espírito Agile

Olá!

Em vez de reclamações sobre o Uber, eles estão tentando criar algo melhor, oferecendo vantagens para os consumidores, taxistas e demais envolvidos.

Veja no portal G1:

https://www.google.com.br/amp/g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2016/08/taxistas-desenvolvem-aplicativo-para-roubar-clientes-perdidos-para-uber.amp
Um exemplo para todos nós, que diante de um problema complexo, eles reuniram as condições abaixo:

– Somatória de esforços

– Colaboração

– Decisões compartilhadas

Isto é o espírito do Agile. Colaborar para produzir resultados.

Não entendeu?

Não sabe o que é Agile?

Quer saber mais sobre Gestão Ágil?

Envie email para canaldevbr@outlook.com

Estamos à disposição.

search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close